<$BlogRSDUrl$>
 

quarta-feira, março 31, 2004

Vida de Sonho

Sonhei que era outra pessoa que não eu próprio, sonhei que vivia outra vida, controlava outro corpo, pensava com outra mente, que me movimentava em outro ambiente, enfim sonhei que era outra pessoa que não aquela que sou.
Só que algo estava errado, afinal de contas não era eu, faltava-me a memória daquilo que já vivi, a memória de quem sou e da experiência acumulada na minha vida. Faltava-me ser eu próprio com tudo o que já aprendi e conhecendo minimamente as minhas reacções, atitudes e formas de pensar, apesar de tantas vezes ainda me surpreender comigo próprio.

Realmente é impossível viver esse tipo de sonho, porque nesse caso não seríamos nós próprios, seria simplesmente um corpo sem memória, sem ensinamentos e sem experiência, seria como controlar uma marioneta ou um robot. Impossível, porque na vida seremos sempre nós, com a nossa história e memória, por muito que mudemos ao longo da nossa vida.
Podemos contudo sonhar que um dia vamos viver uma vida distinta da actual, é possível projectar aquilo que queremos vir a ser no futuro e aquilo que desejamos viver, experimentar, explorar, conhecer e aprender. Isso é construir um objectivo, ou seja, é criar uma vida de sonho pela qual vale a pena lutar. Uma vida para nós próprios podermos viver.

Vida de sonho, não são os sonhos com castelos, príncipes e princesas, nem tão pouco são os sonhos de riqueza ou de beleza. Vida de sonho é simplesmente a vida com que ambicionamos, é aquilo que se queremos atingir por mais impossível que nos possa parecer. E essa vida de sonho nem sequer é estática, vai variando ao longo da vida de acordo com aquilo que nós próprios somos em cada momento da nossa vida e de acordo com aquilo que nós achamos ser o nosso caminho, o nosso sonho, para o futuro.
Podemos de facto sonhar com uma vida diferente, a tal vida de sonho que reflecte aquilo que queremos vir a ser. Mas não podemos viver simplesmente o sonho, temos de viver de forma a lutar por esses nossos sonhos, sem ficar presos a eles! Importante não é simplesmente o sonho, mas sim a sua capacidade para nos motivar de forma a lutarmos por atingir esse sonho.

Sonhar pode ser muito positivo, se isso nos permitir projectar a nossa vida de sonho pela qual desejamos lutar. É bom quando vivemos intensamente a caminho da nossa vida de sonho em vez de viver apenas do sonho.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?