<$BlogRSDUrl$>
 

domingo, novembro 21, 2004

Bombardeamentos da Vida

Num mundo cada vez mais competitivo em que os apelos nos surgem constantemente, há momentos em que precisamos de nos refugiar de tudo e todos. Momentos em que tentamos controlar o nosso tempo e até mesmo os nossos sentimentos. Gostamos de nos fechar na nossa concha, de mergulhar a cabeça na areia e com uma boa dose de egoísmo deixar que o tempo nos faça serenar um pouco antes de voltar à luta intensa do nosso dia-a-dia.

Escondidos e refugiados no nosso abrigo não desistimos da luta, apenas estamos a recuperar forças para continuar o nosso caminho. Não é um egoísmo que nos leva a parar mas sim uma defesa natural contra o mundo que por vezes nos parece querer abafar.
É uma tentativa de encontrar o antídoto contra os bombardeamentos que nos tentam consumir vindos do mundo que nos rodeia.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?