<$BlogRSDUrl$>
 

sábado, janeiro 08, 2005

A Força da Natureza

Quase quinze dias depois da tragédia, continuamos a ficar chocados com os números e as imagens do terramoto e do maremoto ocorridos no Índico. A Natureza mostrou de novo a sua enorme força arrasando terra, mar, vidas e história.

Tsunami é agora uma palavra conhecida e pronunciada um pouco por todo o lado, entrou no vocabulário corrente relembrando a fragilidade que temos face a catástrofes deste tipo. A água que tanta importância tem para a nossa vida e o mar que tantas vezes nos inspira calma e confiança, mostraram repentinamente a sua força incontrolável.

A quantidade de vidas humanas destruídas não deixa dúvidas sobre a nossa pequenez face às forças da Natureza. As valas comuns, os corpos amontoados nos destroços, os feridos a sofrer, os órfãos com o seu olhar triste, as famílias destroçadas, os desalojados de ânimo perdido e todas as outras imagens que nos chegam mostram bem como de um momento para o outro a vida pode mudar completamente.

Impressionante é verificar que para além da destruição, a própria geografia da zona sofreu mutações. Por exemplo, a Ilha de Sumatra moveu-se cerca de 20 metros para sudoeste para além de toda a deformação da superfície terrestre que ainda não foi confirmada. Aliás as rotas de navegação naquela zona provavelmente terão de ser alteradas devido às mudanças ocorridas no fundo do mar.

Toda a ajuda vai ser pouca para as pessoas que perderam tanto. Por isso aqui ficam algumas das instituições que em Portugal recebem a nossa ajuda: a Unicef, a Cruz Vermelha e a Cáritas Portuguesa.

É incrível a devastação que a Natureza pode causar e assusta pensar que a qualquer momento podemos também nós estar sujeitos a uma catástrofe deste tipo.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?